> <

Dicas para fazer o motor do carro durar mais

Para evitar problemas no motor do seu carro, manter uma manutenção constante é perfeito para manter a vida útil, porém adotar alguns comportamentos também são fundamentais.

 

Nada de afundar o pé, pegue leve

Siga uma rotina simples de manutenção e adote alguns comportamentos que vão lhe poupar dinheiro a médio e longo prazo.

Em carros zero km, vá com calma, mantenha a rotação baixa nos primeiros 1.000 quilômetros, antecipe a troca de marcha, não passe de 3.500 rpm (rotação por minuto), vá variando a velocidade e faça acelerações progressivas, nada de pisar fundo.

Apesar de haver pessoas que acreditem que é necessário "amaciar" o motor, isso não funciona. Mantenha seu carro longe das rodovias nos primeiros 1.000 a 1.500 km, até por motivo de segurança, só depois encare a estrada.

Os freios também precisam de cuidados iniciais para que haja assentamento entre pastilhas e discos. Tanto para o motor e freios, os primeiros quilômetros são fundamentais.

 

Não aqueça o motor

Ao sair pela manhã provavelmente o motor vai estar frio, mas não precisa gastar alguns minutos esquentando o motor. Faça o seguinte: Ligue o motor, coloque o cinto, verifique o assento e espelhos. Criando essa rotina de 30 segundos aproximadamente, o motor do seu carro vai estar pronto para rodar, mas ainda vai estar frio, portanto rode com suavidade até que o motor atinja a temperatura ideal de funcionamento.

 

Não acelere bruscamente

Sair rápido no semáforo não vai te levar ao seu destino mais rápido, mas sim para a oficina. Ser brusco no acelerador é um dos hábitos mais danosos para o motor, além de gastar mais combustível. No trânsito, principalmente em grande centros urbanos, o motor do carro tente a trabalhar com temperatura mais alta. Juntado esse fator com uma aceleração forte além de aumentar ainda mais a temperatura, sobrecarrega o sistema de arrefecimento, juntas e correias.

 

Troque sempre os filtros de ar e óleo

Os filtros de ar e óleo são uns dos itens mais baratos no carro, considerando sua importância no bom funcionamento do propulsor, por isso troque sempre. Não trocando periodicamente essas peças sua economia vai para o ralo, pois fazer a retífica do motor é muito cara e trabalhosa. Portanto troque o filtro de óleo toda vez que esgotar o fluido e o filtro de ar, nada de limpar ou bater um ar, troque-o sempre.

 

Escolha bem óleo

O fabricante recomenda óleo sintético (geralmente mais caro), por isso, use o sintético. Não misture com óleo mineral. Prefira gerações mais novas do fluido, com poder de detergência de classe SL, no mínimo.

Poupe seu dinheiro: óleos modernos, de qualidade, não precisam de aditivos. Siga o manual e antecipe trocas do fluido se você rodar por muito tempo em regimes severos (como trânsito ou áreas poluídas/empoeiradas).

 

Livre-se do peso excessivo


Ao encarar a pé uma subida de montanha, quanto mais leve você estiver, melhor. Adote o mesmo procedimento para seu automóvel. Tire do porta-malas tudo o que não tem serventia, assim como no porta-luvas e outros bolsos no interior. Seu bagageiro de teto está vazio? Deixe na garagem.

Peso adicional exige mais força do motor. Máquinas são o oposto de nossos corpos: quanto mais esforço fazem, menor a vida útil. Ao instalar um engate, certifique-se de que o carro está homologado para carregar uma carreta e, claro, verifique o peso admissível.

 

Use a transmissão com sabedoria

A maneira como você usa o câmbio tem influência direta no rendimento do motor. Rotações elevadas aumentam o consumo e ruído. Fazer as trocas na faixa vermelha – o limite de giro -, o tempo todo, irá abreviar a vida dos componentes. Marchas altas em velocidade baixa também não fazem bem às válvulas.

Sempre use a marcha ideal para a velocidade em que está e considere também a inclinação da pista. A rigor, desça engrenado na mesma marcha que usaria para subir a via.

Por fim, transmissão não é freio. Você pode contar com o efeito do freio-motor em declives – e deve fazer isso – mas não reduza a velocidade do carro usando as marchas.

 

Leia o manual e faça manutenção preventiva


Aquele livrinho que acompanha o veículo, esquecido no fundo do porta-luvas, é seu aliado. Precisa ser lido. Ele descreve os intervalos de manutenção e itens a serem checados conforme a quilometragem do carro.

Peças de desgaste natural precisam ser trocadas: velas e cabos, bateria, correias, rolamentos, fluidos – mantenha tudo isso em dia e seu motor poderá trabalhar tranquilamente mesmo quando o hodômetro tiver seis dígitos altos.

 

Leve seu carro para viajar


Trechos curtos são os mais difíceis para veículos. O anda-e-para urbano, trânsito e aquela saidinha de domingo cedo até a padaria da esquina fazem um estrago no motor – como o colesterol é péssimo para o coração.

Exercícios fazem bem: vá para a estrada com o possante. Ande em velocidade constante, varie acelerações e rode com o giro elevado (dentro dos limites do propulsor). Isso ajuda a livrar a câmara interna e o sistema de exaustão de fuligem e outros contaminantes que se acumulam no uso rotineiro de ciclo severo.

 

Fonte: Revista Quatro Rodas

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


A Importância da Análise de Crédito

A análise de crédito possui uma grande importância para constatar se o cliente realmente tem condições de honrar com o compromisso de empréstimo assumido, verificando informações do cliente a…

leia mais...
Pesquisa de Opinião de Entregas da Barros Autopeças

No mês de Outubro, perguntamos a opinião dos nossos clientes em relação aos nossos serviços e atendimentos em nossa área de logística, para sabermos como nosso trabalho é visto por eles. Ficamos…

leia mais...
Kit amortecedor: o que você precisa saber para vender essa peça?

Dominar todas as informações técnicas sobre autopeças é o maior desafio e a maior vantagem de um vendedor do segmento. Enquanto são diversos os modelos e as marcas de veículos que você precisa…

leia mais...
Rastreamento Inteligente - solução eficiente para os clientes da Barros Autopeças

Nosso colaborador, Lucas Vanin, da área de Transportes, pensou numa solução para os clientes da Barros, em relação ao rastreio dos pedidos. Como muitos procuram o departamento de Transportes para…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up