> <

Dicas para manutenção do sistema de ignição

Responsável por mandar a faísca para a câmara de combustão no momento certo e fazer o motor girar, o sistema de ignição é composto por bateria, bobina de ignição, distribuidor (os modelos mais antigos), cabos de velas e velas de ignição.

Cada sistema possui um gerenciamento único, por isso o diagnóstico quando esse apresenta falhas é um pouco complicado. Também existem os sofisticados kits programáveis de injeção e ignição. Qualquer mecânico pode se perder em meio a tantos detalhes!

Pensando nisso, separamos os cinco pontos principais para que a manutenção desse sistema não seja mais um bicho de sete cabeças!

Identificação de problemas: Por ser um sistema complexo, qualquer defeito pode influenciar em seu funcionamento. Por isso, é importante saber identificar os sinais que indicam que uma ou mais peças do sistema estão com problemas. Se o carro apresentar: dificuldade ao dar partida; falhas ao acelerar; trepidação do motor; ruídos diferentes no motor ou perda de potência no carro, é importante que o sistema de ignição passe por uma manutenção.

Inspeção eletroeletrônica: Ao receber um veículo com problema de ignição, o primeiro passo é fazer uma revisão rápida na parte elétrica e depois, verificar a eletrônica. O mecânico precisa ter um bom conhecimento da parte eletrônica e elétrica, além de bons equipamentos para executar a manutenção.

Avaliação das peças: Se a parte eletroeletrônica estiver em ordem, é necessário a verificação dos defeitos comuns: amassados, quebrados, cortes, trincas, áreas derretidas, oxidações, folgas, etc. Também é frequente a presença de "gambiarras", o que pode ser a causa do problema!

Erros de aplicação: Quando tudo estiver parecendo novo e sem identificação de falha, pode ser que alguma instalação foi colocada errada na ignição. Então, o indicado seria a verificação do manual de serviço do veículo ou o catálogo dos fabricantes para que seja conferido cada código de cada elemento do sistema.

Produtos sem qualidade: Se no sistema com falhas existir uma marca que seja completamente desconhecida, o melhor a se fazer é desconfiar! O uso de peças fabricadas sem o rigor técnico necessário e com materiais inferiores, pode provocar vários problemas na ignição, alguns deles difíceis de resolver. Se for possível, consiga um componente de confiança para fazer um teste e tirar a dúvida.

Gostou das dicas? Confira também as outras matérias no blog onde trazemos conteúdos sobre dicas e manutenção!

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


Tipos de Pastilhas do Mercado
Tipos de Pastilhas do Mercado
20 de maio de 2022

Tipos de pastilhas do mercadoPara ser um bom especialista no mercado automotivo, seja um vendedor ou mecânico, não basta apenas entender o que é determinada peça! Para prover um bom serviço para…

leia mais...
4 dicas para ter uma boa saúde financeira de seu negócio

A gestão da saúde financeira de um negócio é uma das coisas mais importantes para o seu progresso. Porém, a maioria das pessoas que possuem seu próprio negócio não entendem a importância de manter…

leia mais...
Importância do conhecimento técnico do produto

O mundo está cada vez mais tecnológico e no mundo automotivo isso não é diferente. Cada vez mais a tecnologia avançada está presente nos automóveis e isso exige do profissional de vendas amplos…

leia mais...
Lançamento Advance: Fluido para Radiadores

A Barros Autopeças leva muito a sério a inovação e crescimento de sua marca própria. O intuito de avançar sempre com seus clientes e trazer qualidade e competitividade para…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up