> <

Fiat perde a liderança para garantir rentabilidade no Brasil

A crise no setor automotivo no Brasil não provocou apenas redução drástica nos volumes de vendas, mas abalou algumas estruturas já bem estabelecidas no mercado. Uma delas foi a liderança da Fiat, que já durava 14 anos. A marca perdeu este posto no ano passado para a General Motors justamente no momento em que a FCA concretizava os planos para a Jeep, que segue conquistando espaço desde então. “A perda de participação era esperada. Decidimos não perseguir volume, mas preservar o pouco de rentabilidade que ainda tínhamos naquele momento”, conta Sergio Marchionne, o CEO do grupo Fiat Chrysler, que visitou o País para cumprir uma agenda intensa de reuniões e acompanhar o lançamento do SUV Compass.

A marca italiana foi a que mais diminuiu seu market share entre janeiro e agosto deste ano, com redução de 2,9 pontos porcentuais para responder por 15,5% do total de emplacamentos do País. As vendas encolheram 35% e baixaram para 202 mil veículos. Os números podem preocupar, mas não assustam o executivo, conhecido pelo jeito descontraído e direto ao ponto. “Eu não olho mais para os números de cada marca de forma isolada. Já cometi esse erro antes. A FCA é uma coisa só”, diz, enfatizando que, enquanto a Fiat perde espaço, a Jeep ganha, o que garante algum equilíbrio. Desde o lançamento do Renegade, a marca saiu da 24ª para a 10ª colocação no ranking de vendas.

Ainda assim, ele admite que intenção é recuperar o espaço perdido, algo que Marchionne só acredita que será possível quando o mercado brasileiro se reerguer. “Nós investimos na fábrica de Pernambuco no momento em que fazíamos um carro a cada 20 segundos. Agora precisamos olhar para a planta de Betim (MG), pensar na sustentabilidade do negócio e começar a mudar de dentro para fora, renovando a oferta de produtos. “O portfólio pensado há 10 anos não é mais o que o consumidor quer hoje”, diz.

Fonte: Automotive Business

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


Big Data é tendência no mercado corporativo

Nos últimos anos o Big Data se tornou uma das grandes tendências no mercado corporativo, principalmente  pelo atual cenário digital. O meio exige que os profissionais tenham um conhecimento técnico…

leia mais...
Barros Autopeças realiza sua primeira live

Ontem (22 de abril), aconteceu a primeira live da Barros Autopeças via Instagram (@barrosapocial). O intuito da live foi apresentar o programa de solução de pagamentos Alpe, parceira da Barros há…

leia mais...
Saiba mais sobre o portfólio e a marca própria da Barros Autopeças

A história da Barros Autopeças começou em 1956 num pequeno posto de gasolina com a venda de combustível e lubrificantes. Mais tarde em 1970 iniciou uma nova etapa para a empresa. Com o crescimento…

leia mais...
A Curva ABC e sua importância
A Curva ABC e sua importância
29 de março de 2021

Você com certeza já deve ter ouvido falar na Curva ABC, ela é muito utilizada com a finalidade de gerenciar as prioridades de uma empresa, ou seja, funciona como um método de classificação que permite…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up