> <

Nakata, fornecedor Barros, divulga lista de pastilhas e sapatas de freio com o selo do Inmetro

O programa de certificação compulsória de autopeças avança. A partir de 29 de julho de 2017, o varejo terá de comercializar pastilhas e sapatas de freio com o selo do Inmetro. A medida faz parte da portaria 301/2011 e é destinada a automóveis, camionetas, caminhonetes, comerciais leves, caminhões, caminhões-tratores, ônibus e microônibus. 

A Nakata, fabricante de autopeças para o mercado de reposição com linhas de componentes para suspensão, transmissão, direção, freios e motor, iniciou a fabricação de pastilhas e sapatas com o selo do Inmetro em 28 de janeiro de 2016, conforme exige a portaria. Para isso, passou por todo o processo de homologação dos produtos, ultrapassando os parâmetros estipulados pelo órgão certificador com relação à qualidade e durabilidade. “Priorizamos em nossos produtos performance e resistência. No caso de pastilhas e sapatas de freio, é importante oferecer segurança e conforto nas frenagens”, destaca ”, afirma Jeferson Credidio, gerente de produtos da Nakata Automotiva. 

Para informar o mercado (distribuidores, varejistas e aplicadores), a Nakata lança cartilha com informações sobre o programa de certificação, prazos e também a lista com códigos de produtos da marca com o selo do Inmetro que pode ser acessada pelo link: http://www.nakata.com.br/Content/nakata/files/catalogos/Cartilhainmetro-freios.pdf. As embalagens também possuem a estampa do selo do Inmetro para facilitar a identificação. 

Segundo Credidio, a certificação traz benefícios para toda a cadeia produtiva, mas é importante que varejistas e reparadores continuem a fazer comparações dos produtos das marcas certificadas para analisar qualidade e durabilidade.

Para evitar riscos de perda de produtos no estoque, o diretor da Nakata recomenda aos lojistas que façam rigoroso controle das mercadorias, adotando sistema PEPS: primeiro que entra será o primeiro a sair. Assim, o lojista vende primeiro as peças estocadas há mais tempo para zerar o estoque de produtos sem o selo do Inmetro. Desta forma, a empresa fica com o estoque em dia e não corre risco de ser autuada e ter os produtos apreendidos pelo IPEM – Instituto de Pesos e Medidas, responsável pela fiscalização.

Fonte: Oficina Brasil

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


Mulheres na ciência e suas contribuições para o setor automotivo

    Desde 2015, as Nações Unidas (ONU) estabeleceu o dia 11 de fevereiro como o Dia Internacional de Mulheres e Meninas na Ciência.    Entre os objetivos desse…

leia mais...
Você sabe como cuidar do motor?
Você sabe como cuidar do motor?
10 de fevereiro de 2020

    O motor é o principal componente dos automóveis. Sem ele nada funciona. Por isso é fundamental estar sempre atento aos principais cuidados que podemos ter com ele.    Além…

leia mais...
Segurança e qualidade com as pastilhas de freio

    A Barros está sempre se desenvolvendo para encontrar a melhor forma de oferecer serviços e produtos de qualidade que tenham foco na segurança e bem-estar dos clientes.    Desde…

leia mais...
Barros Autopeças comemora 50 anos de existência

    A Barros Autopeças completa, neste ano, 50 anos de existência. Meio século de histórias, de expansão e muita tradição.     Para comemorar o marco, a…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up