> <

Rodovias paulistas têm redução de 21,8% no número de mortes

Sorocaba - O número de mortes por acidentes nas rodovias concedidas do Estado de São Paulo caiu 21,8% de janeiro a setembro deste ano, em comparação com igual período do ano passado.

De acordo com estatística divulgada nesta segunda-feira, 16, pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), tanto o número de acidentes quando o de feridos caíram 10% no mesmo período.

A redução é a maior já registrada em período igual nos 16 anos do programa paulista de concessões rodoviárias. Em 2014, no entanto, o número de mortes tinha subido 10,6% em relação ao ano anterior.

A pesquisa, que levou em conta os 6,4 mil quilômetros de estradas sob administração privada com cobrança de pedágio, mostra que os atropelamentos de pedestres já são a principal causa de mortes nas rodovias.

No primeiro semestre deste ano, 92 pessoas morreram atropeladas, 29% das mortes.

O número é, no entanto, 29,7% menor que no primeiro semestre de 2014, quando houve 131 mortes.

A agência atribui a redução em acidentes e mortes aos investimentos para tornar as rodovias mais seguras. Nos últimos 16 anos, segundo a Artesp, além de terem sido investidos R$ 16 bilhões em obras, serviços e sinalização, foi adotado o conceito de "rodovia que perdoa".

Nesse conceito, segundo o diretor da Artesp, Giovanni Penge Filho, as estradas são dotadas de mecanismos que absorvem eventuais erros dos motoristas.

A duplicação de 276,5 km de rodovias, construção de 150 km de vias marginais e campanhas como a de uso do cinto de segurança também contribuíram para os resultados.

Sistemas que incluem as rodovias Raposo Tavares e Castelo Branco, em trechos mais distantes da capital, apresentaram as maiores reduções de acidentes.

Ainda segundo a Artesp, desde 2000, a taxa de acidentes fatais, medida com base no índice de mortes por 100 milhões de veículos por quilômetro, caiu de 5,32 para 2,57.

Tópicos: Acidentes de trânsito, Trânsito, Mobilidade urbana, Carros, Autoindústria,Veículos, Estado de São Paulo, Mortes

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


A Curva ABC e sua importância
A Curva ABC e sua importância
29 de março de 2021

Você com certeza já deve ter ouvido falar na Curva ABC, ela é muito utilizada com a finalidade de gerenciar as prioridades de uma empresa, ou seja, funciona como um método de classificação que permite…

leia mais...
Mulheres à Frente das Oficinas e da Indústria Aftermarket de Peças

A matéria a seguir é uma reprodução do site Canal da Peça que sofreu algumas mudanças, o link original você encontra no final do texto.Reparadoras, gerentes e diretoras, as mulheres possuem garra,…

leia mais...
KPI entenda mais sobre essa ferramenta de gestão

O KPI (Key Performance Indicator) é um indicador que pode auxiliar a empresa a ter sucesso. A ferramenta permite um acompanhamento do desempenho de pontos importantes para o negócio, departamento ou…

leia mais...
Manutenção das palhetas evitam acidente

As pancadas de chuva estão aí e é sempre bom manter em dia a manutenção das palhetas do limpador de para-brisa.De modo geral as pessoas não costumam dar muita importância para esse item, demorando…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up