> <

Sinal aberto para o Programa Rota 2030

Programa do Governo Federal, sucessor do Inovar-Auto, terá duração de 13 anos.

 

No mês de abril, o governo federal convocou líderes do mercado automotivo para dar início ao novo programa, Rota 2030, que irá substituir o Inovar-Auto, que termina em dezembro deste ano.

O Rota 2030, pretende fixar metas para as fabricantes de veículos e autopeças, com a visão de recolocar o Brasil como um dos maiores mercados de veículos no mundo, em um prazo de 13 anos.

Em comunicado  o secretário de desenvolvimento e competitividade industrial, Igor Calvet, diz: "A ideia da Rota 2030 é planejar a política industrial para além dos ciclos políticos normais de quatro em quatro anos. As decisões empresariais, em geral, são tomadas em ciclos mais longos”.

Entre as propostas do programa, a que chama mais a atenção  é a mudança no sistema de imposto sobre produtos industrializados (IPI). Hoje as categorias dos impostos são definidas pela capacidade volumétrica do motor – um 1.0 paga menos imposto que um 2.0. Na nova proposta, a eficiência energética pode se tornar o principal critério de divisão. E isso deve favorecer os modelos mais econômicos, especialmente híbridos e elétricos.

O Rota 2030 também pretende incentivar a indústria de autopeças com o plano Indústria Competitiva. A intenção é qualificar os fabricantes, visando sanar os problemas existentes na atual cadeia de fornecedores, estimular a entrada de novas empresas e atuar juntamente com as montadoras na busca de novas soluções tecnológicas.

O desafio é grande: fazer ofensiva global para garantir que o Brasil chegue a 2030 com nível tecnológico equivalente ao oferecido pela indústria de países maduros. As ambições incluem ainda a integração do Brasil como polo de produção e exportação na cadeia global de suprimentos, com competitividade para fazer os principais sistemas automotivos e capacidade para liderar o desenvolvimento de projetos globais. 

A proposta é desenhar corretamente o funcionamento do programa, para no dia 30 de agosto anunciar como o mesmo funcionará.

Fontes: Automotive Business e Revista Quatro Rodas

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


Conheça mais sobre a marca que vai te fazer avançar

O suporte da barra tensora, ou como é conhecida popularmente, morceguinho, tem como função absorver o impacto e vibrações provocadas pelas solicitações da suspensão em curvas. Quando essa…

leia mais...
20 de novembro Dia da Consciência Negra  

O termo consciência negra, veio para enfatizar  a luta do povo preto, ganhando notoriedade na década de 1970 no Brasil, justamente em razão da luta de movimentos sociais que atuavam pela igualdade…

leia mais...
Dicas para uma boa administração no setor de logística  

O que é logística empresarial? A logística empresarial é um processo de planejamento, implementação e controle econômico do fluxo de produção e armazenamento de insumos,…

leia mais...
Lançamento marca própria: Advance Autoparts

A MarcaCom o objetivo de entregar mais qualidade e inovação para os clientes, o grupo Barros Autopeças  lançou sua marca própria. Por isso, é com muito orgulho e satisfação que a empresa…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up