> <

Entenda a função da bieleta

O conteúdo a seguir é do blog da Nakata e contém algumas alterações. 

A suspensão é um dos principais sistemas de um veículo, e ela é composta por diversas peças interligadas. Para que o carro tenha uma boa estabilidade, o conjunto da suspensão precisa estar funcionando em perfeitas condições, e a função da bieleta é garantir esse bom desempenho.

Função

A bieleta é uma pequena peça que trabalha em conjunto com o sistema de suspensão, que é composto por itens como a barra estabilizadora, bandeja, molas, pivô e os amortecedores.

O conjunto todo é o responsável por manter a estabilidade do carro, absorvendo o impacto decorrente das irregularidades do terreno por onde ele trafega. Dessa forma, a principal função da bieleta é  ligar a barra estabilizadora ao sistema de suspensão do veículo.

O que é

A bieleta é uma haste de metal que tem dois fixadores em suas extremidades, que são ligados à barra estabilizadora e à suspensão do carro por meio de buchas ou pinos.

Todo esse trabalho dinâmico é o responsável por manter o contato dos pneus com o solo e dar estabilidade ao veículo, principalmente nas curvas. Quanto mais irregular for a pista — estradas de terra, buracos, valetas, pistas cheias de ondulações — maior será o esforço exigido das bieletas e do sistema de amortecimento.

Sinais de que a bieleta está com problemas

Barulhos: os barulhos incomuns na suspensão são os primeiros sinais de que algo pode estar errado. Estalos, rangidos e sons de metal contra metal podem significar que a função da bieleta está comprometida. Pode ser um problema relativamente simples de fixação ou algo mais complexo. Procure seu mecânico quando isso estiver acontecendo.

Problemas na fixação: com o tempo, as buchas sofrem desgaste e podem ocasionar folga nas extremidades conectadas, fazendo com que a bieleta fique frouxa ou até mesmo se solte.

Deformação e quebra: a deformação pode ocorrer pelo desgaste natural ou por causa da baixa qualidade da peça. Os riscos e consequências de uma quebra são muito perigosos, pois podem comprometer o controle do carro ou até mesmo provocar um furo no pneu e causar algum acidente.

Mesmo que ela não se quebre, a função da bieleta fica comprometida, o que prejudica a estabilidade do veículo.

Deterioração da coifa de proteção: a coifa de borracha é responsável por proteger os pinos de fixação, que são essenciais para garantir que a função da bieleta seja cumprida. Com o tempo ela pode se deteriorar, comprometendo a lubrificação, que começa a ficar contaminada com resíduos de terra, ou detritos do asfalto. A presença dessa sujeira acelera o desgaste da articulação.

Cheque junto com a bieleta

É muito importante realizar a revisão periódica de todas as partes da suspensão. O ideal é que seja feita a cada 10.000 km. Se o veículo rodar sob condições extremas, como estradas de terra ou asfalto muito irregular, é indicada uma quilometragem menor, pois a poeira e o esforço podem acelerar o processo de desgaste natural.

Ao fazer a revisão, é preciso checar também itens como: o pivô, a bandeja, as buchas, os coxins dos amortecedores e o amortecedor. Afinal o carro já está parado mesmo. Assim, vale a pena verificar se há outras peças que devem ser trocadas para garantir o bom funcionamento de todo o sistema e a segurança do motorista e passageiros.

Além dos cuidados de manutenção, a maneira de dirigir também pode contribuir para a preservação da peça. Diminuir a velocidade ao passar por lombadas ou valetas e não ultrapassar a carga máxima recomendada pela montadora são práticas que ajudam a garantir a vida útil do item.

Cuidados necessários caso a bieleta precise ser substituída

Caso seja necessário substituir a bieleta, é preciso prestar atenção em alguns detalhes. Há marcas e tamanhos variados, e a colocação de um produto errado ou de baixa qualidade pode acarretar grandes problemas em outros componentes, até mesmo de outros sistemas do carro.

É importante lembrar o cliente que os componentes automotivos sofrem um desgaste natural e que isso pode interferir no bom funcionamento e conservação de outros itens. Por isso, é essencial cumprir o cronograma de revisões e realizar as manutenções preventivas.

Crédito/ conteúdo original: https://blog.nakata.com.br/funcao-da-bieleta/ 

Galeria

Nenhum comentário foi encontrado. Seja o primeiro a comentar!

Deixe seu Comentário


Barros Autopeças é reconhecida com o prêmio SKF Awards

A Barros Autopeças, distribuidora de linha leve com mais de 50 anos de história no setor automotivo, conquistou dois troféus do prêmio de "Distribuidor Destaque SKF Awards 2023" concedido pela SKF,…

leia mais...
Barros Autopeças celebra o ano de 2023 e seus 54 anos juntos dos colaboradores!

Comemorar nunca é demais, não é mesmo? Por isso, fizemos questão de confraternizar muito por aqui! Durante o mês de janeiro, as filiais de Araxá, Bauru, Belo Horizonte, Campinas, Curitiba, Mogi…

leia mais...
54 anos de história e um legado que continua

Há 54 anos, a Barros Autopeças tem desempenhado um papel crucial na união entre modernidade e tradição, fornecendo com eficiência peças automotivas de alta qualidade para o setor. Desde sua fundação…

leia mais...
Festa do Mecânico: Celebrando habilidades e parcerias

No último dia 15 de dezembro, o núcleo de eventos da matriz da Barros Autopeças foi palco de uma celebração única: a Festa do Mecânico. Um evento que antecede as comemorações do Dia do Mecânico,…

leia mais...
Comentários Recentes

Trabalhe Conosco

Com o seu talento e competência
como combustíveis, você vai ajudar
a guiar uma empresa sólida e
ambiente de trabalho profissional.
Faça parte da nossa equipe.

Eu quero

Quero ser Cliente

Venha ser um cliente Barros Autopeças
e ter a disposição um dos portfólios
de peças mais completos do país,
promoções exclusivas e uma equipe
pronta à ajudá-lo no que for preciso.

Eu quero
scroll up